Educação Financeira para todos

Com uma planilha de orçamento organizada e informações bem completas sobre quanto você recebe todo mês e quanto você gasta, fica muito mais fácil compreender sua situação financeira.

Como começar a poupar

No entanto, é muito comum perceber que, ao fazer a conta “receita menos despesas”, o resultado é positivo (sobra dinheiro), mas, na prática, isso não acontece. Você sabe por quê?

Caso o dinheiro fique ali, disponível na sua conta corrente, você acaba gastando-o, sem muito controle. Vamos a um exemplo:

Imagine que você tenha uma renda líquida de R$ 5.300 e, de acordo com sua planilha, gaste R$ 4.780. Fazendo a conta, há um saldo positivo de R$ 520 todo mês no seu orçamento. No entanto, sua conta bancária, perto de receber seu salário, está beirando a zero! Aí vem a pergunta: onde foi parar esta sobra?

Calcule “receita menos despesa”, utilizando os seus dados da planilha e veja o resultado. Caso a situação seja parecida com o exemplo acima, faça uma retrospectiva, procurando se lembrar de pequenos gastos que não entraram na sua planilha. 

Você vai perceber que, vendo o dinheiro na conta, acabou gastando sem notar... Um presente para alguém especial, uma calça nova, um restaurante mais caro etc. 

E qual a saída?
Para que isso não aconteça, há uma saída bastante eficaz, que lhe permite começar a poupar! Com sua planilha em ordem e suas contas em dia, é hora de exercitar a prática de guardar dinheiro. 

Assim que receber seu salário, destine em torno de 10% dele para outra conta corrente, e não mexa nesse dinheiro.

Não espere o mês terminar para você guardar o que restar. Planejadores financeiros recomendam guardar mensalmente 10% da sua renda, mas tudo depende da sua realidade. Estabeleça este percentual e comece o quanto antes.

Começando sua reserva
No início, guarde este dinheiro em uma conta poupança ou aplique em algum investimento de baixo risco, que lhe assegure segurança e liquidez (você consegue sacar o dinheiro rápido, caso precise dele).

Só utilize este dinheiro se realmente precisar muito, combinado? Dessa forma, estará iniciando a sua reserva de emergência: um fundo que serve para cobrir gastos extras, caso ocorram. Assim, se aparece um problema no seu carro ou na sua casa, você não enfrenta um rombo no seu orçamento para o conserto. 

Depois disso, poderá começar a guardar dinheiro para a realização de sonhos no curto prazo. Isso lhe dará muita motivação para cultivar o hábito de poupar, pois verá resultados rápidos.

Veja só alguns exemplos: “quero poupar para viajar nas férias. Tenho seis meses para isso”. Ou: “quero guardar dinheiro para comprar uma TV”. 

O importante é começar, estabelecendo metas. Bom planejamento pra você!

Compartilhar