Educação Financeira para todos

18NOVEMBRO2019 — Sempre é tempo de organizar o orçamento e, quanto mais você se dedicar a essa tarefa, melhores os resultados. Considerando que a proximidade do fim do ano costuma inspirar as pessoas para fazerem um balanço de suas contas, que tal fazer o seu?

Fim de ano chegando: hora de organizar as contas!

Procure atualizar sua planilha de orçamento, repassar os acontecimentos bons ou ruins, observar a forma como conduziu sua vida financeira e se inspirar para fazer de 2020 um ano de muitas conquistas!

Confira o passo a passo, e cuide muito bem do seu planejamento financeiro, que envolve não somente controlar o seu orçamento, mas aprender a poupar e investir, para poder realizar sonhos. O objetivo é viver em equilíbrio, sabendo quando gastar ou não, conciliando as obrigações do presente com as metas futuras.

1. Redefina suas metas
Suas metas financeiras estão traçadas? Há algo especial a realizar neste próximo ano? Com planejamento, será mais fácil alcançá-las.

2. Organize, e atualize, sua planilha de orçamento
Controlar a forma como você utiliza o seu dinheiro é o primeiro passo para garantir saúde financeira. Mantenha seu orçamento sob controle, com sua planilha atualizada. Não esqueça: o ponto de partida é sua receita líquida!

Certas despesas mudam com o passar do tempo. Além das alterações comuns a cada etapa da vida, é importante considerar a sazonalidade de alguns gastos. Por exemplo: destine um percentual maior para o lazer e educação entre dezembro e janeiro, época de festas, férias e preparação para o próximo ano letivo.

3. Tenha foco para quitar as dívidas
Caso tenha contas em atraso ou perceba que seu orçamento anda bastante apertado, procure agir o quanto antes: estabeleça uma estratégia para quitar dívidas e procure cortar gastos, ou ao menos reduzir suas despesas, visando aliviar um pouco as contas.

4. Combata os gastos por impulso
Observe bem a forma como você consome. Pare e pense, antes de comprar algo: "eu preciso mesmo adquirir este produto? Tenho dinheiro suficiente para isso? Qual o impacto dessa compra no meu orçamento?"

5. Use o crédito de forma responsável
O crédito pode ser um grande aliado na realização de sonhos de consumo, desde que utilizado com responsabilidade e critério. Cuidado para não assumir mais parcelas do que seu orçamento permite!

6. Comece a economizar dinheiro e a poupar
Procure economizar dinheiro e, assim, poupar todo mês, mesmo que pouco estabelecendo objetivos de curto, médio e longo prazo.

Não espere para guardar o dinheiro que sobrar no fim do mês, porque isso raramente acontece. Procure separar uma quantia para essa finalidade logo que receber o salário. Planejadores financeiros costumam recomendar que se guarde 10% da sua renda líquida, mas cabe a você determinar o percentual que seja viável guardar.

Esforce-se para poupar dinheiro para cobrir alguns gastos inesperados, montando sua reserva de emergência. Dessa forma, você protege seu orçamento.

7. Invista o dinheiro poupado
Além de poupar dinheiro, você precisa fazê-lo render. Procure opções de investimento voltadas ao seu perfil e à sua necessidade, observando seus objetivos de curto, médio e longo prazo.

Links relacionados:

Dicas para poupar dinheiro
http://www.financaspraticas.com.br/investir/aprender-a-poupar-dinheiro/dicas-para-poupar-dinheiro
Aprenda a definir prioridades
http://financaspraticas.com.br/planejar/orcamento/como-fazer-um-orcamento/aprenda-a-definir-prioridades

Fim de ano chegando: hora de organizar as contas!

Compartilhar