Atualização de privacidade

Lançamos nosso Centro de Privacidade e atualizamos o Aviso de Privacidade. Saiba mais. >

Educação Financeira para todos

31 de julho de 2017

Como iniciar poupança para um bebê?

Poupança para filhos! Quanto antes começar a poupar para o futuro do seu filho, melhor. Uma poupança construída desde o seu nascimento servirá como ajuda para que ele dê os primeiros passos ao iniciar a vida adulta. Mas por onde começar?

Primeiro, é preciso pagar as dívidas
Antes mesmo do nascimento, é importante colocar o orçamento familiar em dia. A família deve reordenar suas prioridades financeiras para receber o bebê. Aproveite o período para quitar dívidas e financiamentos e cortar gastos desnecessários.

Não se pode pensar em fazer poupança, se a família estiver com as contas fora do controle. Procure começar a nova fase com tudo em ordem.

Veja como poupar dinheiro para garantir o futuro, e os estudos, do seu filho

Comece a fazer poupança com pouco dinheiro, mas não pare nunca
Saúde financeira em dia? É hora de definir um percentual da sua renda que será destinado ao mais novo integrante da família. O importante é criar o hábito desde o primeiro dia de vida e manter a assiduidade dos depósitos.

Você pode começar poupando pouco dinheiro, e ir ajustando ao longo do tempo. Até que atinja a maioridade, serão pelo menos 18 anos de multiplicação do seu dinheiro sob o efeito dos juros compostos.

Abrir conta poupança para bebê
Quando a conta poupança é aberta diretamente no nome da criança, os pais relutam mais em mexer no dinheiro (por uma questão psicológica). Antes dos 18, somente os pais podem movimentar a conta. Depois, apenas o filho.

Portanto, se há alguma intenção em manter o controle da conta no futuro, avalie a abertura de uma conta conjunta.

Poupar dinheiro com visão de longo prazo
Guardar dinheiro não é o bastante. Busque direcionar seus investimentos em aplicações de longo prazo que ofereçam maior rentabilidade. Como estas modalidades também tendem a apresentar maiores riscos, lembre-se que o tempo estará a seu favor e haverá prazo suficiente para recuperar eventuais perdas.

Para saber mais sobre Investimentos, acesse:
http://financaspraticas.com.br/investir/como-investir

Leia sobre Finanças da família em:

http://financaspraticas.com.br/planejar/etapas-da-vida/financas-da-familia-02

Compartilhar


Compartilhar