Educação Financeira para todos

05 de maio de 2019

Quero ser mãe, o que devo considerar no meu planejamento?

Todo sonho, para ser realizado, pede planejamento. No caso da maternidade, além dos cuidados especiais com a saúde e do momento pessoal da mulher, há muitos outros aspectos a considerar, entre eles o planejamento financeiro. Confira aqui tópicos bem importantes para você refletir:

Carreira
Qual o seu momento profissional hoje? Planeja algum curso de especialização ou tem enfrentado muita pressão no trabalho? Tem vontade de mudar de emprego? Sua situação é instável? Seu afastamento em função da licença maternidade poderia prejudicá-la de alguma forma?

Momento pessoal
Seu cônjuge está pronto para a chegada de um bebê? Receberia bem e dividiria essa responsabilidade com você? Caso a decisão seja unilateral, pense melhor a respeito. O relacionamento de vocês está bem? Ter um filho impacta a vida de ambos.

No caso de uma produção independente, questione-se: está realmente pronta para assumir toda a responsabilidade que esta decisão envolve? Conta com pessoas à sua volta que poderão lhe ajudar no dia-a-dia?

Perfil
Você adora viajar e sair com frequência? Está preparada para um período de “calmaria”, ficando mais caseira e abrindo mão das viagens por algum tempo?

Saiba o que considerar no planejamento para realizar o sonho de ser mãe

Plano de saúde
Você tem convênio médico e cuida da sua saúde? Está satisfeita com a cobertura do seu plano, ou está na hora de revê-lo? O plano de saúde cobre as despesas que você vai ter com o parto? Há algum tipo de carência? Seu bolso lhe permite pagar convênio para o bebê?

Orçamento
Como anda a sua saúde financeira? Tem o hábito de preencher e monitorar sua planilha de orçamento com frequência? Suas contas estão no vermelho?

Em relação às compras por impulso, responda: você está pronta para rever suas prioridades e abrir mão de alguns gastos? Organize-se!

É recomendável rever seus gastos, considerando que, com a chegada do bebê, você terá despesas extras. Além das adaptações para recebê-lo (reformas no imóvel, compra de móveis), você deverá comprar vários itens (banheira, carrinho, bebê conforto, cadeirinha de carro, roupinhas, enxoval, itens de higiene e muitos pacotes de fralda). Por isso, o ideal é preparar o orçamento, livrar-se de dívidas e procurar poupar o máximo possível.

Planejadores financeiros estimam que, do nascimento aos 24 anos de um filho, os pais terão despesas mensais de, em média, R$ 2 mil, considerando gastos de alimentação, saúde, cuidados pessoais, educação, vestuário etc. Prepare-se!

Links relacionados:
http://financaspraticas.com.br/planejar/orcamento/financas-para-mulheres/filhos-e-carreira
http://financaspraticas.com.br/planejar/orcamento/financas-para-mulheres/direitos-a-licenca-maternidade

Compartilhar


Compartilhar